Prefeitura de Catas Altas incentiva população a fazer boletins de ocorrência

A Prefeitura de Catas Altas tem estudado diversas formas para melhorar a segurança na cidade. Além de reuniões em busca de reforço para o efetivo da Polícia Militar, tem alertado a população a registrar boletins de ocorrências, em casos de furtos, violência e outras situações.

O alerta está sendo feito, após o Comandante Geral da PM em Minas Gerais, Coronel Helbert Figueiró de Lourdes, informar ao prefeito José Alves Parreira que Catas Altas tem poucos casos registrados, impedindo que algumas medidas de segurança possam chegar ao município por parte do Estado.

“Por menos grave que seja a situação, é preciso registrar o boletim. Hoje, as estatísticas de Catas Altas não condizem com a nossa realidade, pois as pessoas não informam às autoridades o que aconteceu. Estamos passando para o Estado uma falsa sensação de tranquilidade”, explica Parreira.

Atualmente, Catas Altas conta com um efetivo de seis policiais fazendo parte do 26º Batalhão da Polícia Militar. Em maio, a cidade ganhou o reforço de mais um militar.